top of page
  • Foto do escritorIntercroma

Intercroma conta com uma divisão exclusiva de espumas (PU)

Você sabia que a Intercroma possui uma divisão exclusiva para atendimento aos clientes de espumas (PU)?

Sim! E para 2024, remodelamos nossa estratégia para estarmos cada vez mais próximos de nossos clientes, atendendo às demandas de forma rápida e eficaz, buscando garantir sempre as melhores condições.

Conheça agora nossa linha completa de produtos e descubra como podemos contribuir com o seu negócio: Amina A33: promove a reação de uretano numa variedade de espumas rígidas e flexíveis, assim como em poliuretanos A Amina que comercializamos é própria para blocos, chamada de amina de geleificação. É utilizada na produção de espumas flexíveis.

Cloreto de metileno: um líquido incolor, de odor adocicado e não inflamável. Ele não é encontrado naturalmente no meio ambiente. É utilizado como agente de expansão de espumas, servindo para diminuir a densidade. Quanto maior a quantidade de cloreto de metileno menor será a densidade das espumas. Ele também age como controle de temperatura interna do bloco, evitando superaquecimentos ocasionados pela água, pois não participa das reações com os demais produtos da formulação, todo o cloreto adicionado à mistura é liberado ao longo da formação da espuma.

Estanho T19: é um catalisador utilizado na fabricação de espuma de poliuretano (PU) flexível em bloco, tendo a importante função de atuar na reação de polimerização do isocianato com o poliol. É utilizado como catalisador em espumas PU, é responsável pelo crescimento do bloco, fechamento das células e pelo relaxamento do bloco Empregado nas espumas para móveis, colchões e carpetes.

Poliol MW 3000: é uma das principais matérias-primas para a fabricação de poliuretano. Os polióis mais utilizados são poliéteres, empregados na fabricação de fibras e elastômeros de PU com alto desempenho. Os polióis poliméricos também são utilizados em espumas flexíveis de alta elasticidade para as mais diversas aplicações na construção civil. O principal uso do poliol é em espumas de poliuretano. As espumas flexíveis são usadas principalmente em aplicações de acolchoamento, como móveis, roupas de cama e cadeiras de automóveis, e em forro de carpete.

Copolímero: é um produto viscoso, de coloração branca ou amarela. É utilizado na fabricação de espumas flexíveis, podendo ser utilizado sozinho ou em conjunto com o Poliol. Permite a fabricação de espumas que suportam grandes cargas. Usado na fabricação de espumas de densidades médias e altas, matéria-prima para a fabricação de espuma flexível de poliuretano para aplicação em automóveis, absorção de som, cabeceiras e estofados. Silicone L540: estabiliza a reação na fabricação de espumas convencionais para formulações de baixa a média densidade. Possuem várias características nas espumas auxiliando na mistura e junção de todos os componentes. É utilizado em espumas PU, como estabilizador de reações em formulações de baixa e média densidade, em aplicações moveleira e de colchões.

TDI 80: é um composto orgânico, usado na maioria das espumas flexíveis. Ele é chamado de 80/20, 80% do 2,4 diisocianato de tolueno e 20% do 2,6 diisocianato de tolueno.




21 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page